RESULTADO DO ENCONTRO DAS REPRESENTAÇÕES DAS COMUNIDADES RURAIS E URBANAS NO CARNAVAL


ANO MISSIONÁRIO DIOCESANO NA PARÓQUIA DE N.SRA. DO AMPARO DE MACAPARANA – 2012 – METAS PARA SEREM ATINGIDAS CONFORME  AS ORIENTAÇÕES DA IGREJA PARA DESCENTRALIZAÇÃO E DESPERTAR NOVAS LIDERANÇAS:

1.       ESCOLA MISSIONÁRIA DA FÉ SEMANAL  - Coordenação  ALUNOS DA ESCOLA TEOLÓGICA

v  Organizar na sua comunidade um dia fixo, semanalmente, para um estudo da Palavra de Deus  . Nas comunidades urbanas, anteceder com uma pequena Celebração da Palavra, sendo possível com a distribuição da Eucaristia.

v   O roteiro do estudo será fornecido pela paróquia.

v   As pessoas do estudo serão envolvidas no trabalho missionário da sua comunidade.

2.       TRILHA MISSIONÁRIA – Coordenação do COMIPA

v   Entre os que estão na escola missionária da fé convidar alguns para fazer visitas na comunidade com ou sem o padre.

v   Treinamento com os voluntários antes de assumir as visitas.

v  Pároco agendar um dia na comunidade para visitar as famílias, escolas e fazer reuniões.

3.       LECCIO DIVINA = LEITURA ORANTE DA BIBLIA SAGRADA -

v   Treinar as pessoas individualmente ou em comunidade para fazerem a Leccio Divina.

v   Promover na comunidade a aquisição do livro da Bíblia Sagrada, bem como um curso bíblico pelo Rádio.

4.       GRUPO DE JOVENS ENGAJADOS NA COMUNIDADE – Coordenação da Pastoral da Juventude

v   Promover a constituição e formação dos jovens em cada comunidade.

v   Organizar dia de espiritualidade com o Setor Paroquial da Juventude (jovens de todos os movimentos).

v  Organizar a pastoral estudantil e universitária, através da Pastoral Escolar e Pastoral da Juventude.

v  Mensalmente Missa preparada pelo Setor da Juventude da Paróquia, bem como programa de rádio.

5.       CELEBRAÇÃO DA PALAVRA SEMANAL – Coordenação da Pastoral LITÚRGICA

v   Aos domingos e dias santos nas comunidades rurais realizar a Celebração da Palavra de Deus, sendo possível com a distribuição da comunhão Eucarística.

v   Providenciar por meios mais eficientes a divulgação dos dias da Celebração da Palavra e da Missa.

6.       LITURGIA E CANTO -  Coordenação da Pastoral do CANTO

v   Constituir uma equipe de liturgia e canto na comunidade.

v   Aquisição de instrumentos musicais de percussão para cada comunidade.

v   Participação também nas liturgias na Igreja Matriz.

v   Ensaios dos cantos da missa com a comunidade.

v   Adquirir o material litúrgico das missas nas comunidades: as alfaias (panos), sacramentario, etc.

7.       ENCONTRO DE CASAIS NA COMUNIDADE – Coordenação da Pastoral FAMILIAR

v   Através da pastoral da família promover periodicamente encontro de casais na comunidade.

v   Catalogar os nomes dos casais católicos da comunidade para a paróquia enviar mensagens.



8.       PASTORAL DE INICIAÇÃO CRISTÁ – Coordenação da Pastoral CATEQUÉTICA

v   Cada comunidade deve ter catecismo para todos os níveis de idade.

v   Todo catequizando deve possuir uma Bíblia e um livro de catecismo, para isto criar uma pequena biblioteca católica na comunidade.

v  Organizar melhor o CATECUMENATO BATISMAL (jovens e adultos) por comunidade.

9.       PASTORAL SOCIAL DA COMUNIDADE – Coordenação da Pastoral SOCIAL

v   Escolher um representante da pastoral social na comunidade.

v   Catalogar os nomes dos “pobres mais pobres da comunidade” durante a quaresma para a coordenação paroquial social organizar sua atuação junto aos sofredores.

v   Descentralizar a pastoral da criança organizando as mesmas nas comunidades.

v   Promover cursos profissionalizantes para os adolescentes.

v  Organizar novas pastorais para evangelizar (motoqueiros, padeiros, pedreiros, costureiras, etc.) a partir dos que são católicos.

v  Fundar a Pastoral da Saúde na Paróquia juntamente com os MECEs.

10.   CONSELHO ADMINISTRATIVO E PASTORAL DA COMUNIDADE -Coordenação PASTORAL DO DÍZIMO

v   Constituir o conselho com todos os representantes de atividades em cada comunidade.

v   Na reunião do conselho das comunidades (última quinta-feira, setor urbano, e último sábado, setor rural) cada representante de comunidade deve trazer a ata e o relatório do movimento caixa do mês anterior.

v   A planilha do carnê da reconstrução da Igreja matriz deve ser entregue mensalmente.

v  As coletas e as intenções da missa das comunidades terão fins pastorais e devem ser prestadas contas na reunião mensal do Conselho das Comunidades.

v  Com a criação das comunidades lentamente os dizimistas serão inscritos por comunidade. Assim teremos um relacionamento pessoal com visitas da equipe e cartões dos aniversariantes.

v   Missa com participação dos dizimistas por comunidade.

EVANGELIZAR É A NOSSA MISSÃO

EVANGELIZAR É A NOSSA MISSÃO

Papa Francisco

Papa Francisco